quarta-feira, 5 de dezembro de 2018

O NATAL E AS CRIANÇAS

Quer se queira/concorde ou não, todas as crianças cujas famílias festejem o Natal, desejam receber presentes nesta quadra.
Actualmente as crianças adaptam-se precocemente a brinquedos/ferramentas tecnológicos com a maior das facilidades.
Não é minha intenção criticar seja o que for, seja quem for.
Mas, entendo que deve existir um equilíbrio entre o que se dá às crianças, permitindo-lhes a possibilidade de explorar várias opções, para se irem moldando a elas e algumas não se tornarem num grande problema um dia mais tarde, como seja o caso dos livros e da leitura, um exercício fundamental que lhes será muito útil durante a vida (penso eu de que, ?)

Será que as crianças de hoje, quer vivam ou não junto ao Pinhal de Leiria se irão lembrar dele como era antes do fatídico incêndio de Outubro de 2017?
Duvido, que sim.
"Estima-se que a regeneração da Floresta e do seu ecossistema demorará entre 60 a 80 anos, após os incêndios catastróficos de 15 de Outubro de 2017."
Cabe-nos a nós deixar-lhes a memória do que foi o grandioso Pinhal de Leiria.
Este livro editado recentemente percorre o Pinhal de Leiria através dos olhos dum pirilampo, contendo notas explicativas sobre o pinhal e um CD com "histórias e canções da floresta".
Em minha opinião - façam o que quiserem com ela - um excelente presente para as nossas crianças.




POST NÃO PATROCINADO







38 comentários:

  1. Para as crianças que gostam de ler é bom, e para as que não gostam devia-se de incentivar... Amei!

    Beijo. Boa noite!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Cidália.
      Existem livros infantis muito bons e divertidos que incentivam à leitura, mas é preciso dar essa ferramenta às crianças e ir insistindo.
      Beijinho

      Eliminar
  2. Pequeno caso sério05 dezembro, 2018

    Obrigada pela sugestão. Vou recomendar a uma amiga minha que é educadora.
    ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É uma óptima sugestão, tem uma história engraçada dando a conhecer aspectos relevantes acerca do pinhal.

      Eliminar
  3. Na nossa casa de banho houve sempre uma espécie de banca de revistas quase tão "fora de prazo" como aquelas que se encontram nas salas de espera das clínicas. Muitas vezes fomos encontrar a filha, que ainda hoje é pequenita, quase toda enfiada na sanita, com uma revista nas mãos.
    Mais tarde, quando íamos ao supermercado, enquanto as outras crianças procuravam as prateleiras dos brinquedos, a nossa ficava a folhear livros o tempo todo.
    Todo aquele interesse por livros acabaria por levá-la, inevitavelmente, à desgraça. Hoje é professora de português/inglês.
    Por isso deixa lá as criancinhas brincarem com bonecas e carros, pois os livros só servem para dar cabo da vista e levá-las por maus caminhos. eheheheheheheh

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Há tempo para tudo, para as bonecas e carrinhos e também para os livros.
      Aposto que és um pai babado ;)

      Eliminar
  4. Uma excelente iniciativa para deixar testemunho de um crime ambiental.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Diz muito bem, Pedro, um crime, cuja culpa, mais uma vez, morrerá solteira.

      Eliminar
  5. Boa iniciativa
    pois estes nossos Políticos rascas
    acarretam mais interesses
    do que cascas, pró bolso -_`)

    Beijinhos e um radioso dia de Sol com alegria-_*)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Políticos eleitos pelo povo:(
      Abraço e um bom dia.

      Eliminar
  6. Parece mesmo uma boa sugestão para os mais novos!

    Bjxxx
    Ontem é só Memória | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Como este livro existem tantos outros que, quero acreditar, farão as crianças felizes.
      Beijinho

      Eliminar
  7. Interessante e que devia ser posta em prática. Infelizmente eu duvido que muitos pais ou familiares ofereçam. As crianças querem é brinquedos ( o que é compreensível), mas devia partir dos pais incutir-lhes o gosto pela leitura.
    Boa iniciativa.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É natural que as crianças queiram brinquedos, o importante é encontrar um equilíbrio entre as mil opções que existem para as presentear.
      Um livro é um amigo para a vida, é essencial saber transmitir-lhes isso.
      Beijinho

      Eliminar
  8. Sou aquela tia que oferece sempre um livro como presente de natal ou de aniversário. Os meus sobrinhos gostam imenso de ler, mas claro foi uma coisa que lhe foi incutida desde pequenos :)

    Beijinhos ^^
    O blog da Mó | Instagram | Facebook

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito bem Mó.
      Todas as crianças precisam de uma tia como tu 👋👋
      Beijinhos

      Eliminar
  9. Ora está aí uma boa sugestão!
    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  10. Gosto da oferecer livros às crianças, (dependendo das idades) Uma boa iniciativa:))

    Hoje : Lágrima em rio de cumplicidade
    Bjos
    Votos de uma óptima Sexta - Feira.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Em qualquer idade é uma boa oferta.
      Existem livros para bebés muito giros
      Beijinhos

      Eliminar
  11. Tenho pena por os meus filhos não conhecerem o pinhal de Leiria como eu conheci. Mas quando vou a casa da mãe nem tenho coragem de lá passar. Vermos aquilo que pertence a todos nós destruído trás -me tristeza.
    Gostei da sugestão

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Todos os dias sinto essa tristeza, não tenho como lhe fugir.
      Obrigada
      Bom fim de semana

      Eliminar
  12. Um presente que me parece interessante. Beijinho e bom fim-de-semana.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Seria bom que muitas pessoas pensassem o mesmo.
      Votos dum feliz fim-de-semana
      Beijinhos

      Eliminar
  13. Se tivesse crianças a quem oferecer essa seria uma opção a ter em conta. Sou sensível a causas ambientais e esta vale a pena apoiar.

    ResponderEliminar
  14. Uma opção muito acertada.
    Bom fim-de-semana

    ResponderEliminar
  15. Concordo a 200%!
    É perfeitamente possível articular as mais-valias da modernice com as lições poderosas dos instrumentos de sempre. Por mais tablets que por aí andem, não há nada que apague o valor de um livro, e qualquer criança é capaz de exprimir curiosidade e interesse por isso, desde que lhes sejam despertados. O livro parece um máximo!

    BEijinhos,

    Daniela

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É pressisamemto o que penso.
      As crianças devem experimentar todas as opções que têm à mão ou lhes põem nas mãos.
      Ler uma história por dia a uma criança, traz benefícios para criança e adulto e é um investimento para a vida.
      Beijinhos

      Eliminar
  16. Boa Semana e bom dia Menina Magui
    de aqui
    dos Calhaus da Serra

    Beijinhos e alegria em dia -_`)

    ResponderEliminar